Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

DE VOLTA OUTRA VEZ

eu, tu...e o palco.

DE VOLTA OUTRA VEZ

eu, tu...e o palco.

traduzir-te

por devoltaoutravez, em 18.02.09

que calor certeiro nos veio atingir, tão madrugador como nada previsto. que calor este que nos invade o peito de bolas de sabão vermelho, coradas as veias, rubras as artérias deste lugar hipertenso. de máximas vontades, de mínimas declarações, de máximas ilusões, de mínimas certezas.

 

mergulhado num imenso odor decorado, declarado em cada sopro quente desse virar de costas ou olhar de frente. num mar trocado por um Porto, num preto olhar de manhãs que não se extendem.

 

tradução que não consigo fazer. tradução da qual não desisto, sem saber o sabor.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D